Bem vindo, Camaçari, 22 de Outubro de 2018

Crime ambiental: caçambeiro cobre placa para não ser identificado em Jauá

Escrito por: Camaçari Notícias - Meio Ambiente - 06 de Agosto de 2018

Para evitar ser identificado e multado por crime ambiental, um caçambeiro encobriu a placa de sua caçamba carregada de areia de duna e trafegava pela BA-099, a Estrada do Coco, em pleno dia, na última sexta-feira (03), por volta das 13h30, aparentemente sem receio da fiscalização. Dá para notar, na foto, areia depositada nas saliências do lado externo da carroceria.

O autor da foto do flagrante, feita antes do entroncamento com a Via Metropolitana, foi um morador de Jauá, que se surpreendeu e se indignou com o duplo ilícito. Ao roubo de areia das dunas, punido com multa de R$ 5.000,00 e seis meses de prisão pela Lei nº 10.431/2006, que estabelece a política estadual de meio ambiente, o caçambeiro acrescentou infração gravíssima do Código de Trânsito Brasileiro: quem adultera ou encobre placa de veículo responde pelo artigo 311 do Código Penal e pode ser condenado a até seis anos de prisão.

O roubo de areia das dunas de Jauá por caçambeiros é tolerado há anos pelas autoridades que seriam encarregadas de reprimi-lo. As caçambas entram vazias pela Via Parque e saem carregadas de areia multimilenária. Ao lado da Prefeitura Avançada, em Abrantes, há uma placa que proíbe o tráfego de veículos com peso superior a dez toneladas. Mesmo vazias, no entanto, as caçambas pesam mais que isso. Quando cheias de areia, podem chegar a 30 toneladas.

“A Associação dos Moradores da Rua Aquarius e Via Parque vem denunciando sem parar o roubo de areia e a invasão das dunas e até agora os nossos apelos não têm sido ouvidos pelas autoridades”, diz a presidente da AVP, jornalista Ana Maria Mandim. “Parece até que aumentou o roubo de areia depois da notícia de que o Parque das Dunas de Abrantes e Jauá será finalmente implantado.” A delegada Danielle Monteiro, da 26ª DT, de Abrantes, é a única que tem agido, apreendendo caçambas flagradas no roubo de areia.

Fica a pergunta: as autoridades estão esperando a destruição total das dunas para depois agir? Isso é perigoso porque são as dunas as guardiãs dos lençóis freáticos responsáveis pelo abastecimento de água da população. Sem as dunas, os poços e nascentes dos cursos d’água irão secar e essa região também responde por 40% da água fornecida a Salvador.

Outras Notícias:

Meio Ambiente
Escrito por: Pesquisa Web
11 de Outubro de 2018
 Veja Mais
Meio Ambiente
Escrito por: CN com Assessoria de Comunicação
10 de Outubro de 2018
 Veja Mais
Meio Ambiente
Escrito por: Camaçari Notícias
02 de Outubro de 2018
 Veja Mais
Meio Ambiente
Escrito por: EBC
21 de Setembro de 2018
 Veja Mais
Meio Ambiente
Escrito por: Pesquisa Web
20 de Setembro de 2018
 Veja Mais
Meio Ambiente
Escrito por: Camaçari Notícias
18 de Setembro de 2018
 Veja Mais
 Veja todas as notícias

Buscar em Notícias

Cadastre-se

Receba nossos informativos no seu email:

Enquete

Como está o estado de conservação das ruas e estradas de Camaçari na sua opinião?

Resultado

Praça Desembargador Montenegro, n° 35, Centro,
Camaçari - BA
CEP: 42800-020

71.3627-5293
contato@camacarinoticias.com.br

Navegação Rápida